Pesquisar neste blog

sábado, 28 de março de 2015

Atividade para o 2º TIR-A

Atenção
Analise o texto e a imagem sobre o Racismo e  poste um comentário. Não se esqueça de ao final por seu nome e sobrenome.  

Manifestações racistas no futebol, infelizmente, não são novidades e não acontecem somente no exterior, mas também aqui no Brasil. Não há dúvida de que o preconceito racial reflete uma mentalidade antiga e supostamente ultrapassada. Remete aos tempos da escravidão, no Brasil ou nos EUA; da segregação no Sul dos Estados Unidos; do extinto Apartheid, na África do Sul; e até mesmo do Nazismo, na Alemanha.


21 comentários:

  1. Realmente, mesmo sendo em pleno século XXI o racismo e o preconceito estão mais comuns que nunca, e muitos que são vítimas sofrem traumas psicologicos, porem, a sociedade os julgam sem ao menos conhecer e tentar compreender o "por que?" de certas atitudes.
    Catharine Sanches
    2° TIR-A

    ResponderExcluir
  2. João Gabriel Dias Vieiradomingo, 29 março, 2015

    Hoje em dia a mentalidade da sociedade está completamente diferente, pois cada um só quer saber do seu e outros que se virem. A situação das pessoas que sofrem de racismo é delicada por causa da sociedade não tentar entender ou compreender o seu comportamento e o porquê de tais atitudes
    João Gabriel
    2 ano TIR-A

    ResponderExcluir
  3. Hoje em dia os negros são mais respeitados do que antes, mais ainda existe o racismo, pessoas que não estão em aí, acham que são melhores do que eles por causa da cor, pode parecer idiota mais ainda existe esse tipo de coisa '-'
    Victor Gustavo
    2 TIR-A

    ResponderExcluir
  4. Hoje em dia os negros são mais respeitados do que antes, mais ainda existe o racismo, pessoas que não estão em aí, acham que são melhores do que eles por causa da cor, pode parecer idiota mais ainda existe esse tipo de coisa '-'
    Victor Gustavo
    2 TIR-A

    ResponderExcluir
  5. O racismo existe na sociedade, não é uma patologia do futebol, é uma doença social presente em toda a sociedade. As frustrações da vida cotidiana, como desemprego, moradia precária, desassistência nas áreas da saúde e educação, notícias sobre corrupção, levam uma parte da torcida a se manifestar agressivamente no estádio, onde essas pessoas acreditam estar protegidas pelo anonimato (“sem nome” ou assinatura). Temos que mostrar às novas gerações que o Brasil é um país miscigenado, e que esse aspecto é uma herança positiva, responsável pela formação da nossa gente. Temos que ensinar as crianças que ninguém deve ser avaliado pela cor da sua pele e sim pelo caráter que a pessoa tem.
    Fábio de Assis
    2º TIR-A

    ResponderExcluir
  6. Atualmente o racismo tem se tornado um grande agravante da violência em todo o mundo. Diversas campanhas contra isso tem se espalhado, mas não surtem efeito na situação, além de causar certo "orgulho" daqueles que já vivem em um meio com costumes racistas. Muitos acham que são mais importantes do que as pessoas negras, apenas por esta diferença de raça, impedindo até mesmo o desenvolvimento destes, por se sentirem diminuídos e inferiores por conta das agressões físicas e psicológicas.
    Francisco Jorge Monteiro Júnior
    2º TIR-A

    ResponderExcluir
  7. O povo não evolui, sempre fica na mesmice do tempo da escravidão , assim julgado uns aos outros por simplesmente uma cor mais escura que a deles .
    Não é só porque ele tem cor afrodescendente que ele tem que ser tratado desse jeito , não podemos julgar simplesmente por isso , precisamos conhecer melhor as pessoas antes de qualquer tipo de julgamento
    Por que hoje em dia muitas pessoas importantes são de pele escura , por exemplo o presidente dos E.U.A Obama , Nelson Mandela um dos maiores pensadores da Atualidade que influenciou muito na vida de pessoas de pele escura e entre outros.

    Dhannyel Russell dos Santos
    2° TIR-A

    ResponderExcluir
  8. O racismo existe, bem como o preconceito de uma maneira geral.
    Bem com relação a conseguirem o querem não é tão simples assim, é necessária muita organização e participação. Cada um tem que fazer a sua parte nesse mundo.

    O racismo, independente da cor.. ruivos, albinos, brancos, pardos, negros, amarelos... somos todos iguais, a única coisa que nos distingue é o caráter. Claro que tem gente que usa a cor como uma forma de se fazerem de vítimas.
    Lembrando que racismo é diferente de preconceito. Preconceito eu acho algo bem normal, por exemplo, chega um nordestino no sul para trabalhar, ele provavelmente não será muito aceito, isso não quer dizer que este mesmo não seja trabalhador mas com certeza ele vai pagar por uma opinião generalizada que seus conterrâneos carregam a muito tempo.
    A final enquanto uns fazem festa praticamente o ano todo, outros estão ralando, estudando trabalhando e pensando no dia seguinte.

    Daniela dos Santos Oliveira
    2 TIR-A

    ResponderExcluir
  9. Apesar do racismo ser algo que reflete uma mentalidade antiga e ultrapassada ainda é presente em alguns lugares, alguns ainda praticam esse tipo de atitude, estas, acham que a cor da pele vale mais que o caráter, princípios e valores morais. Acham que a cor torna-o mais importante, podemos ver isso no Futebol, pessoas ofendendo jogadores pela sua cor.
    Lorena Alves
    2º TIR-A

    ResponderExcluir
  10. hoje em dia ainda existe o preconceito racial que se abrange no mundo todo, pois as pessoas julgam as demais por causa de sua cor, ou melhor, raça. Essas pessoas não merecem ser julgadas por sua cor e sim pelo seu caráter, porque essas pessoas merecem ser respeitadas como todos.
    Matheus Santos
    2º TIR-A

    ResponderExcluir
  11. Um dos maiores propósitos no esporte são o convívio, a amizade e o bem estar. Mesmo com tudo isso ainda hoje vivenciamos práticas racistas por parte de torcedores e até mesmo por parte dos próprios atletas.Porém, encontramos também no esporte exemplos de esportistas que se superaram e que provaram que a sua raça não o torna diferente de ninguém e aqueles exemplos que ajudaram a aceitação da participação de raças diferentes no esporte.

    Márcio Andrey
    2º TIR-A

    ResponderExcluir
  12. O preconceito no mundo de hoje não é novidade para ninguém,já que é uma coisa que vem de muito tempo...
    Só que com o passar do tempo vai ficando cada vez pior, como é mostrado na imagem acima, onde um jogador de futebol é julgado pela sua cor, coisa que não deveria acontecer primeiro porque não importa a cor da pessoa, o que importa é o caráter. Segundo, porque se ele está onde chegou é porque se esforçou e mereceu cada mérito por ter chegado até ai.
    A sociedade tem que compreender que pra o mundo funcionar direito, devemos deixar as diferenças de lado e respeitar todos, até porque fomos feitos para ser repeitados.
    Lariane Reis Ramos
    2 TIR-A

    ResponderExcluir
  13. Na nossa atual sociedade somos muitas vezes julgados pela cor de nossa pele. No futebol não e diferente, infelizmente depois de tanto tempo da libertação dos escravos em 1888 (no Brasil), os afrodescendentes ainda sofrem o preconceito, mas a cor da pele não define o que verdadeiramente importa a honestidade, o talento e principalmente o caráter.
    Francielle Araújo
    2º TIR-A

    ResponderExcluir
  14. Atualmente muitas pessoas ainda praticam o racismo não só no futebol como também nas condições social e econômica. A cor de pele não define seu caráter muito menos a sua classe social, um exemplo sobre o racismo é Nelson Mandela que lutou para que essa realidade pudesse mudar, mas esse ato ainda é praticado por uma boa parte da população.
    Suellen Oliveira
    2º TIR-A

    ResponderExcluir
  15. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  16. O racismo vem diminuindo mas mesmo assim ainda existem algumas pessoas sem noção que se acham superiores pela sua cor, e nos esportes não seria diferente ,pois as pessoas acham que ser negro é ser inferior ao outros, que os brancos sempre nasceram para mandar e os negros para obedecer mas estão muito enganadas pois a cor não influencia em nada sobre você e sim seu caráter , seu esforço para conseguir o que quer , e a mesma capacidade que um branco tem de conseguir algo o negro também tem.
    Larissa Micaelly
    2º TIR-A

    ResponderExcluir
  17. Os negros são descendentes de pobres escravos, que ao serem libertados não receberam o apoio que deveriam, nem tiveram a educação que mereciam. Por isso, até hoje seus descendentes são mais pobres e menos educados do que a maioria dos demais. Sendo assim, são mal vistos por pessoas preconceituosas. Racismo é crime, mas persiste de forma disfarçada. A verdade é que um negro pode ser presidente dos Estados Unidos ou um faminto da Somália, mas é tão humano quanto qualquer um e por isso deve ser respeitado.
    "Enquanto a cor da pele for mais importante que o brilho dos olhos, haverá guerra." (Bob Marley)
    Milena Nascimento Castro 2º TIR-A

    ResponderExcluir
  18. A discriminação racial no futebol é um grave retrocesso que precisa ser erradicado, para que a violência que atinge o esporte não fuja do controle e degrade uma área na qual o Brasil é um exemplo incomparável no mundo todo, principalmente neste ano.

    Problemas de racismo no esporte têm se propagado a partir da Europa, manifestados por grupos reacionários que não apresentam sincronia com a prática desportiva. O esporte, antes mesmo de ser um campo de disputas e títulos, é, por sua natureza, um espaço para confraternização e solidariedade entre pessoas e povos, independentemente de suas origens.

    DIEGO COSTA
    2º TIR-A

    ResponderExcluir
  19. O preconceito hoje em dia , existe no mundo todo as pessoas se julgam muito por sua cor , o que realmente vale na pessoa é o caráter não a cor da sua pele , Como mostra a imagem acima o jogador ta sendo julgado por sua cor , coisa que não devia acontecer de maneira nenhuma . Ele como todos nós merece respeito porque se ele chegou aonde ta foi com seus esforços e luta , Mesmo o racimos sendo considerado crime as pessoas ainda persiste em praticar isso , Elas tem que entender que não se deve fazer isso , tem que deixar as diferenças de lado e respeitar todos !

    Letícia Santos
    2° TIR-A

    ResponderExcluir
  20. Um dos maiores propósitos no esporte são o convívio, a amizade e o bem estar. Mesmo com todos esses ideais ainda hoje presenciamos práticas racistas por parte de torcedores e até mesmo por parte dos próprios atletas. Em um dos esportes de maior destaque no contexto mundial, o futebol, vemos e lemos notícias a respeito disso, em destaque os clubes europeus, onde se encontrão os melhores times e jogadores do mundo. Um dos casos recentes e de grandes proporções ocorreu em 2006 quando o jogador alemão de origem ganesa Gerald Asamoah sofreu pesadas críticas a respeito de sua etnia, por ser negro. Pessoas hipócritas, só pq são brancas, se acham os melhores.
    Thauan Santos
    2 TIR-A

    ResponderExcluir
  21. Hoje em dia o racismo ainda não é uma página virada no Brasil. E quando falamos de racismo não se trata apenas da sua cor(raça), o racismo envolve também a religião, cultura, costumes, crenças,etc. No mundo em que vivemos eu acho uma perda de tempo as pessoas ainda se importarem com as diferenças dos outros, podendo estar ajudando a combater este problema.

    Naitã Glória
    2º TIR-A

    ResponderExcluir